sábado, abril 14, 2007

CDUL - 30; Agronomia - 29



Introdução:

Estava uma autêntica tarde de Primavera em Lisboa e desloquei-me até ao Estádio Universitário para assistir a um jogo, que durante a semana estava a gerar alguma expectativa, já que a Agronomia já tinha assegurado o 1º lugar do Campeonato, nesta fase inicial, enquanto o CDUL vinha de excelentes resultados e queria continuar a somar vitórias para manter acesa a discussão dos lugares que dão acesso à “final four”, sabendo que vai ter jogos muito complicados até ao final !
Tratou-se de um jogo muito emotivo, principalmente nos últimos 8 minutos de jogo, com o CDUL a dar a volta ao resultado. Nesse período o resultado passou de 11-29, para 30-29, graças a 3 ensaios !!! A Agronomia teve mais posse de bola e domínio territorial, mas no final não teve pernas e cabeça, para suster o jogo ofensivo do CDUL.

O CDUL entrou bem no jogo, até porque aos 2 minutos de jogo já ganhava por 3 pontos graças a uma penalidade aos “postes” convertida por Cabral. Mas também entrou bem, em termos defensivos, com boas placagens por parte dos seus jogadores. Por outro lado as linhas atrasadas não permitiram que o adversário ultrapassasse muito a linha da vantagem, apesar de sentir algumas dificuldades por vezes com Juan Severino que esteve muito bem nos lances ofensivos, colocando-se muitas das vezes entre os centros ou mesmo à “ponta”! O CDUL conseguiu aguentar bem a pressão inicial já que a Agronomia passou os primeiros 12 minutos da partida no meio campo do adversário. Depois desse período os Universitários, conseguiram equilibrar a partida, apesar de nas jogadas ofensivas de ¾ não estiveram tão inspirados! Cometeram menos faltas do que no jogo contra o Cascais, já que no Campo da Guia a equipa da casa beneficiou de 18 Penalidades, enquanto que no jogo de hoje o número de penalidades que o adversário beneficiou foram 8! No final da 1ª Parte o CDUL ganhava, mas notavam-se algumas dificuldades dos Avançados em defender o “maul” dinâmico do adversário, mas nas “melee’s” estiveram impecáveis, embora a Agronomia não tenha perdido nenhuma “melee” as dificuldades eram muitas na saída de bola! O intervalo não fez nada bem ao CDUL, pois a equipa entrou algo “adormecida” com os jogadores a falharem placagens, estavam com dificuldades em travar os “maul’s” da Agronomia e por outro lado as linhas atrasadas permitiram que o adversário “furasse” e conseguisse ultrapassar várias vezes a linha da vantagem. Foram 30 minutos em que o CDUL parecia ter deitado tudo a perder, mas os últimos 8 minutos iam ser de facto impressionantes com uma reacção que poucos esperavam! Apesar de podermos concordar que a Agronomia foi completamente “abaixo” fisicamente, não se pode tirar o mérito a uma equipa que conseguiu de forma gradual “fixar” o seu jogo, jogando muitas das vezes para o lado fechado para depois de forma rápida e longa abrir o jogo para o lado “aberto”. O último ensaio é exemplo disso mesmo, com o apoio nas linhas atrasadas a surgir de forma muito eficaz. Mas não foi só isso que permitiu a reviravolta no resultado, foi também o seu espírito de luta e de querer, que permitiram ao CDUL festejar a vitória no final!
De referir que o CDUL ganhou por 4 vezes a bola nos seus “22”, sendo que todas elas foram conquistadas nos primeiros 20 minutos, período esse onde a Agronomia fez muita pressão nessa zona, mas coincidiu também com o período em que o CDUL melhor soube defender! Ultrapassaram por 13 vezes a “linha da vantagem” com destaque para os últimos 20 minutos (7 em 13, portanto mais de 50%) onde foram várias as vezes que vimos o CDUL progredir no terreno de forma eficaz! Em termos de placagens falhadas o registo não é muito mau (10 Placagens falhadas em 33 no total), mas há a registar as 4 placagens falhadas entre o inicio da 2ª Parte e os 20 minutos da 2ª Parte que coincidiram com o melhor período da Agronomia.

A Agronomia apesar de já ter garantido o 1º lugar no campeonato queria manter a invencibilidade na competição, o que pelos vistos seria inédito. Por outro lado jogava também o “orgulho” da equipa e portanto os Agrónomos não iriam facilitar nada. Apesar de ter entrado a perder a Agronomia, como já aqui foi referido, dominou grande parte da partida com especial destaque para alguns períodos, nomeadamente nos primeiros 12 minutos da partida, dos 20 aos 30 minutos e do inicio da 2ª Parte até aos 30 minutos da 2ª Parte, sendo que este último na minha opinião foi o seu melhor já que além de ter marcado 3 ensaios em 15 minutos foi o período em que conseguiram até melhorar nas “melee’s” onde de facto sentiram grandes dificuldades em aguentar uma 1ª linha adversária muito poderosa!
Na 1ª Parte a Agronomia teve pela frente uma equipa que placou muito e nem mesmo as “arrancadas” de Conrad e de Roux valeram a uma equipa que apesar de tudo fazia do jogo nas linhas atrasadas a sua principal arma para tentar furar a defesa contrária. Já aqui foi referido o bom jogo que o “português” Juan Severino efectuou, mas também há a registar o bom jogo de Luís Pissara e Cardoso Pinto, bem como do arriere que esteve muito seguro nas bolas altas! Ao contrário do CDUL, o intervalo foi um excelente tónico para a Agronomia já que entrou com “tudo” na 2ª Parte, embora a equipa adversária tenha entrado algo adormecida, mas aqui também não se pode tirar o mérito a uma equipa que soube pressionar muito bem, que utilizou muito bem o “maul” dinâmico, colocando grandes dificuldades ao adversário e que jogava de forma muito rápida e segura nas linhas atrasadas não dando muito tempo ao CDUL para se organizar defensivamente. Foram várias as vezes que vimos os homens da Agronomia a passar por entre os jogadores do CDUL com o apoio a surgir ao homem que transportava a bola! Os últimos 8 minutos foi aquilo que já se destacou, ou seja uma grande reacção do adversário, mas também um “relaxamento” algo estranho de uma equipa que até aí tinha o jogo completamente controlado! Apesar de tudo os Agrónomos levam para casa 2 pontos já que perderam por uma diferença inferior a 8 pontos e marcaram 4 ensaios!
De referir que a Agronomia não perdeu nenhuma “Touche”, ganhado portanto 14 em 14 (os jogadores do CDUL não disputaram a maior parte das “Touche’s”!!!), não perderam nenhuma melee’s das 8 ganhas, mas as dificuldades eram enormes dos homens da Agronomia e ganharam por 3 vezes a bola nos seus “22” sendo que, duas foram nos “tais” 8 minutos “fatais”!



Resumo do Jogo:

O CDUL entra praticamente a ganhar com uma penalidade aos postes convertida quando estavam decorridos 2 minutos. Apesar de tudo a Agronomia dominava e instalava-se no meio campo adversário, mas o CDUL defendia muito bem e aos 20 minutos consegue ganhar uma nova penalidade aos postes após um jogador da Agronomia fazer falta no "ruck". Cabral convertia mais uma vez a penalidade! A Agronomia voltava novamente para o meio campo adversário e conseguia finalmente chegar ao ensaio quando estavam decorridos 29 minutos, com uma "Touche" já nos "22" do CDUL a ser ganha e com o "maul" a terminar apenas na linha de ensaio! O pontapé foi convertido por Cardoso Pinto. O CDUL volta a equilibrar a partida e consegue já em descontos (41 minutos) marcar um ensaio, após penalidade jogada à "touche" que depois viria a ser ganha com os Avançados a tentarem levar a bola até à linha de ensaio através de "maul". Mas o melhor mesmo que fizeram foi abrir o jogo até à ponta onde Cabral viria a marcar o ensaio. O pontapé não foi convertido.


Fim da 1ª Parte: CDUL - 11; Agronomia - 7

A Agronomia entrou com uma postura completamente diferente na 2ª Parte e aos 43 minutos viria a marcar o seu 2º ensaio com algumas culpas para a defesa do CDUL. O Pontapé foi convertido! Aos 46 minutos o pilar Manu Kirkwood, via um cartão amarelo e dois minutos mais tarde a Agronomia voltava a marcar mais um ensaio com um grande trabalho ofensivo das linhas atrasadas com um jogo muito rápido e com o ensaio a surgir na "ponta". O Pontapé não foi convertido. O CDUL continuava um pouco "adormecido" mas ao mesmo tempo os jogadores demonstravam algumas "picardias" e aos 51 minutos o árbitro exibe novo cartão amarelo a um jogador do CDUL, mas também a um jogador da Agronomia (julgo que foi o Severino). Aos 18 minutos a Agronomia consegue marcar mais um ensaio graças ao excelente "maul" dinâmico que ao jogar a "vantagem" conseguiram progredir 15 metros no terreno até a bola ser aberta. O pontapé foi convertido. O CDUL reage e consegue durante alguns minutos ir até ao meio campo do adversário mas aos 29 minutos a Agronomia consegue ganhar uma penalidade aos "postes" que Cardoso Pinto viria a converter. A partir daqui só falta mesmo falar dos tais "8 minutos" fantásticos do CDUL, com o primeiro dos 3 ensaios a surgir aos 73 minutos, com Cabral a marcar mais uma vez, "ajudado" por alguns erros da defesa da Agronomia (pontapé convertido), o segundo viria a ser marcado aos 76 minutos em que o "arriére" Nuno Costa, consegue interceptar uma bola mal "chutada" de Pissara nos "22" (pontapé convertido) e o último dos ensaios a ser marcado aos 81 minutos, com Gonçalo Foro muito bem no último passe a Ferreira que viria a marcar o ensaio da vitória. O Pontapé não foi convertido.

Fim da 2ª Parte: CDUL - 19; Agronomia - 22


Fim do Jogo: CDUL - 30 - Agronomia - 29



Ao Minuto:



Inicio do Jogo: 15h00

2 Minutos - Penalidade "Postes" convertida - CDUL
20 Minutos - Penalidade "Postes" convertida - CDUL
29 Minutos - Ensaio e pontapé convertido - Agronomia
41 Minutos - Ensaio e pontapé não convertido - CDUL

Fim da 1ª Parte: 15h43

Inicio da 2ª Parte: 15h51

43 Minutos - Ensaio e pontapé convertido - Agronomia
44 Minutos - Substituição - CDUL
46 Minutos - Cartão Amarelo - CDUL
48 Minutos - Ensaio e pontapé não convertido - Agronomia
49 Minutos - Substituição - Agronomia e CDUL
51 Minutos - Cartão Amarelo - Agronomia e CDUL
52 Minutos - Substituição - Agronomia
58 Minutos - Ensaio e pontapé convertido - Agronomia
64 Minutos - Substituição - CDUL
66 Minutos - Substituição - CDUL
69 Minutos - Penalidade "Postes" convertida - Agronomia
70 Minutos - Substituição - CDUL
72 Minutos - Substituição - Agronomia
73 Minutos - Ensaio e pontapé convertido - CDUL
76 Minutos - Ensaio e pontapé convertido - CDUL
81 Minutos - Ensaio e pontapé não convertido - CDUL

Fim do Jogo: 16h33






Estatística:


CDUL Geral Agronomia
30 Resultado 29
4 Ensaios 4
2 Conversões 3
2 Penalidades "Postes" 1
0 Drop Goal 0
11 1ª Parte 7
19 2ª Parte 22




TOTAL

CDUL Situações de Jogo Agronomia
2 "Melee Ganhas" 8
0 "Melee Perdidas" 0
17 "Touches" Ganhas 14
5 "Touches Perdidas" 0
11 Penalidades Obtidas 8
1 Penalidade "à Mão" 1
8 Penalidade "à Touche" 6
2 Penalidade "Postes" 1
8 "Mauls" Ganhos 10
33 Placagens bem sucedidas 23
10 Placagens falhadas 9
76.7% % Placagem 71.9%
5 "Turn Overs" 2
12 Erros 3
5 Vantagem 8
2 Vantagem "progressão" 1
3 Vantagem não aproveitada 7
13 Linha da Vantagem "passada" 18
0 Bola Perdida "22" 2
4 Bola Ganha "22" 3



1ª Parte

CDUL Situações de Jogo Agronomia
1 "Melee Ganhas" 4
0 "Melee Perdidas" 0
10 "Touches" Ganhas 8
4 "Touches Perdidas" 0
6 Penalidades Obtidas 5
0 Penalidade "à Mão" 1
4 Penalidade "à Touche" 4
2 Penalidade "Postes" 0
7 "Mauls" Ganhos 5
23 Placagens bem sucedidas 11
5 Placagens falhadas 5
82.1% % Placagem 68.8%
3 "Turn Overs" 1
6 Erros 3
4 Vantagem 4
1 Vantagem "progressão" 1
3 Vantagem não aproveitada 3
6 Linha da Vantagem "passada" 7
0 Bola Perdida "22" 1
4 Bola Ganha "22" 1



2ª Parte

CDUL Situações de Jogo Agronomia
1 "Melee Ganhas" 4
0 "Melee Perdidas" 0
7 "Touches" Ganhas 6
1 "Touches Perdidas" 0
5 Penalidades Obtidas 3
1 Penalidade "à Mão" 0
4 Penalidade "à Touche" 2
0 Penalidade "Postes" 1
1 "Mauls" Ganhos 5
10 Placagens bem sucedidas 12
5 Placagens falhadas 4
66.7% % Placagem 75%
2 "Turn Overs" 1
6 Erros 0
1 Vantagem 4
1 Vantagem "progressão" 0
0 Vantagem não aproveitada 4
7 Linha da Vantagem "passada" 11
0 Bola Perdida "22" 1
0 Bola Ganha "22" 2

P.S. Foto retirado do Blogue do CDUL (www.cdul.blogspot.com) onde poderás ver outras fotos e notas sobre o jogo!

7 comentários:

Anónimo disse...

Cheira-me a "abébia" da Tapada...

Anónimo disse...

Fantastico blog, sem clubismos, excelentes estatisticas, e cheira-me que alguns treinadores vem ca para sacalhar a informaçao que nao conseguiram no jogo
Parabens

luis sa disse...

Agradeço os elogios, mas apenas quatro pequenas notas:

1ª - O trabalho em si só "custa" no sentido de tomar nota de tudo (o que por vezes se torna numa missão quase impossível) o resto é apenas aquilo que acho, portanto alvo de ser criticável. A análise estatística não é tudo mas é uma parte importante do jogo, da sua filosofia e da compreensão dos mecanismos de jogo das equipas e da sua evolução ou não de jogo para jogo, daí tentar variar o máximo de equipas para poder acompanhar o máximo possível. Nem sempre é fácil pois além da disponibilidade parece que gostam de marcar os jogos para a mesma hora!!!
2ª - Com "clubismo" ou sem "clubismo", o importante mesmo é a forma "racional" como se observa o jogo e ser realista na análise, é melhor para a equipa (que não se ilude)e acima de tudo é a mais correcta!

3ª - Realtivamente aos treinadores, alguns já vieram dizer que tem neste blogue uma referência no que respeita à análise da sua equipa e dos adversários. Agradeço essa preferência e estão perfeitamente à vontade (até porque senão eu não publicava as crónicas)para "sacar" a informação que quiserem, tendo em atenção que as minhas análises tem rigor cientifico quase nulo, já que eu sou um amador e faço essa análise pelo gosto que me dá o jogo em si!

4ª- Agradecia que pelo menos nos elogios ( que agradeço como é evidente, é preferível ouvir coisas boas do que más) se identificassem, pois ainda pode haver alguém que pode achar que esses cometários são "encomendados" :)

Cumprimentos e mais uma vez obrigado pelos elogios:
Luís Sá

Anónimo disse...

Melo e Castro e Cassiano Neves continuam a fazer estragos! Mais uma brilhante vitória, com uma exibição de encher o olho... A carreira destes jovens treinadores tem de ser seguida de perto....

Cassi disse...

Caro Luís Sá,

Somos misteres e de facto vimos sempre ao site consultar as análises, e as estatísticas, que são precisosas e ilustram, quase sem mácula, o que se passa no jogo.

Excelente blog, que eleva o nível do nosso rugby.

Marco Andrade disse...

Que grande jogo de Rugby e que grande ambiente à volta do mesmo (de vez em quando um bocado quente, é engrtaçado vermos pessoas com um certa postura social, transformarem-se...) e de facto há que dar os parabéns a uma equipa técnica que conseguiu levantar o moral a esta equipa!
O CDUL poderá até nem ganhar o campeonato, mas que ganhou um grupo ganhou e isso por vezes é mais importante, principalmente para o futuro!!!

luis sa disse...

Obrigado "Cassi" e já agora parabéns pela excelente campanha que a sua equipa está a fazer no campeonato!